SÃO JOÃO: Lauro de Freitas realiza edição junina da Feira Pública de Economia Solidária

Programação conta com quadrilhas juninas, gastronomia, música ao vivo, além da comercialização de produtos típicos.

Reunindo 300 expositores e barracas de artesanato, economia popular, gastronomia típica junina, além da apresentação de quadrilhas, a Feira Pública da Economia Solidária – Edição Junina, segue até o dia 16 de junho, na Praça João Thiago dos Santos, no centro de Lauro de Freitas. A ação é promovida pela Prefeitura de Lauro de Freitas, por meio da Secretaria Municipal de Trabalho, Esporte e Lazer (Setrel).

No local, é possível encontrar de tudo. Até mesmo adereços para incrementar a roupa do São João. A aposentada Alemerinda Souza, aproveitou a oportunidade para comprar presilhas e chapéus para os netos. “Moro aqui em Ipitanga, praticamente ao lado da Feira. Esse ano ela está com muitas novidades. Vale a pena conhecer e se divertir”, disse a aposentada.

A iniciativa ainda conta com três atrações musicais por dia e opções de lazer para crianças como uma área de brinquedos infantis. O pedreiro, Jurandir Santos, aproveitou a oportunidade para levar o seu filho. “Além dele se divertir com os brinquedos, aproveitei para para comprar umas comidas típicas para minha esposa”.

A Feira Pública da Economia Solidária – Edição Junina, já se tornou um evento importante do calendário festivo no mês de junho em Lauro de Freitas. É o que explica o secretário municipal de Trabalho, Esporte e Lazer de Lauro de Freitas, Uilson de Souza. “É um momento para contribuir para o fortalecimento da renda dos expositores, em sua maioria mulheres. Ela promove uma inclusão socioprodutiva de uma maioria de mulheres chefes de família e faz com que essa receita produzida durante os dias de feira possa ajudar tanto nos seus custeios domésticos, como melhorar e ampliar a sua produção”, disse o secretário.

O evento que movimenta o estacionamento da Câmara dos Vereadores, no Centro da cidade, é considerado como a maior feira que acontece no ano. Os laufreitenses, aprovaram a feira deste ano. “Vir aqui para apenas acompanhar um forrozinho, mas não resistir e vou levar alguns produtos para casa”, disse a enfermeira, Julia Pinto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Previous Article

Os sete destinos baianos gay friendly mais procurados por turistas

Next Article

Ícone da hotelaria brasileira, prédio do Fera Palace completa 90 anos

Related Posts