Conheça o Roteiro Católico Arte e Fé, no Centro Histórico

Salvador é conhecida por suas belas paisagens e por sua vasta cultura, mas o que muitos esquecem é que nossa cidade é de muita fé, com diversos roteiros religiosos incríveis. Portanto, conheça o Roteiro Católico Arte e Fé, que circula entre as mais belas igrejas e museus da capital baiana, sendo uma mistura entre fé e história.

Este roteiro conta com 15 destinos, divididos entre igrejas e museus eclesiásticos, no Centro Histórico de Salvador. Podendo ser feito a pé, o passeio é único, com belíssimas artes e o detalhe do barroco, além de ser muito representativo para quem segue a fé católica, mas sem deixar de abraçar os outros públicos.

Mosteiro de São Bento

Interior do Mosteiro de São Bento (Foto: Tatiana Azeviche/Divulgação)

Quem chega ao mosteiro nem imagina que ele abriga um museu riquíssimo, com um acervo de mais de duas mil peças. O museu fica instalado na parte superior da Basílica de São Sebastião e lá você encontra quadros, porcelanas, cristais e muito mais. O espaço também conta com uma biblioteca repleta de obras raras.

Você não pode deixar de conhecer o primeiro mosteiro beneditino da América.

Basílica de São Sebastião – Mosteiro de São Bento
Endereço: Largo de São Bento – Avenida Sete de Setembro.
Telefone: 71 2106-5200

Igreja Nossa Senhora da Ajuda

(Foto: Amanda Oliveira/Divulgação)

O segundo destino do roteiro é a Igreja Nossa Senhora da Ajuda, que conta com um interior belíssimo, cheio de artefatos conservados. Além disso, no segundo andar, há um vitral colorido com a imagem de Nossa Senhora da Misericórdia.

Aquele que visitar o local também poderá ver uma parede de azulejos que retratam a procissão do Fogaréu.

Endereço: Rua da Ajuda, S/N, Centro Histórico.
Telefone: 71 3322-3296
Visitação: seg a sex das 8h às 17h / gratuito

Igreja e Museu da Misericórdia

(Foto: Rogério P D Luz/Divulgação)

Nascida junto com a cidade, a igreja e museu abrigam mais de quatro séculos de história. Nela há a presença de vários estilos diferentes como o barroco, rococó e neoclássico. Destaque para os painéis de azulejo, que retratam as procissões do Fogaréu e dos Ossos.

Além de eventos religiosos como missas e celebrações, o espaço também pode ser alugado para a realização de casamentos e batizados.

O Museu da Misericórdia é um dos mais importantes espaços culturais da Bahia e possui em seu acervo obras que contam um pouco da história do estado e do país.

Endereço: Rua da Misericórdia, nº 6, Centro Histórico.
Telefone: 71 2203-9835
Visitação: ter a sex das 8h30 às 17h30; Sáb das 9h às 17h; Dom e feriados das 12h às 17h /R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia)

Centro Cultural Palácio da Sé

(Foto: Max Haack/Secom/Divulgação)

O Palácio Arquiepiscopal, foi fundado em 1715, pelo 5° arcebispo de São Salvador, Dom Sebastião Monteiro da Vide, com objetivo de servir de moradia para bispos e arcebispos. Hoje, considerado um centro cultural, o espaço é um centro de referência da história da Igreja Católica no Brasil, com a Arquidiocese de Salvador.

Exposição

A sala “Terra Nova” contextualiza o encontro com o novo. Nela, se destaca o marco quinhentista de demarcação de limites da cidade. Na sala “A Devoção”, o visitante vai sentir um pouco do que são as festas populares da Bahia. Uma “procissão de imagens sacras” que reflete a busca do povo baiano pelo sagrado, através da entrega, do sacrifício e do compromisso com o divino.

Endereço: Praça da Sé, 203-47 – Centro Histórico
Telefone: 71 3838-9987
Visitação: ter a dom das 8h às 17h

Catedral Basílica de Salvador

(Foto: Mário Vitor Bastos/Iphan/Divulgação)

Considerada a “igreja mãe” da Arquidiocese de Salvador e de todas as dioceses do país, fundada em 1672, a Catedral Basílica de Salvador é um grande acervo da arte sacra.

Nela se encontram cerca de 30 bustos relicários que foram restaurados, além de muitos outros artefatos raríssimos.

Endereço: Largo Terreiro de Jesus, s/n – Pelourinho
Telefone: 71 3321-4573
Visitação: todos os dias, das 9h às 16h / R$ 5,00. Missas aos domingos, às 10h.

Igreja de São Pedro dos Clérigos

(Foto: Iphan/Divulgação)

No Brasil, a Irmandade de São Pedro dos Clérigos de São Salvador da Bahia foi instaurada ainda no século XVI. Os altares e o arco cruzeiro foram entalhados no período de transição entre o estilo rococó e o neoclássico.

Endereço: Largo Terreiro de Jesus, s/n – Pelourinho
Visitação: seg a sex, 9h às 12h e 14h às 17h / R$ 3,00

Igreja de São Domingos de Gusmão

(Foto: Divulgação)

A Igreja de São Domingos de Gusmão tem fachada no estilo rococó, enquanto o interior segue o estilo neoclássico. Mas o grande destaque vai para o teto da nave, que é revestido com uma pintura de 173 metros quadrados, em que se utilizou a técnica do ilusionismo barroco, atribuída a José Joaquim da Rocha, considerado o maior pintor do barroco brasileiro.

O visitante pode conhecer a sacristia e a Capela da Boa Morte, onde muitos velórios eram realizados antigamente.

Endereço: Largo Terreiro de Jesus, s/n – Pelourinho
Telefone: 71 3242-4185
Visitação: Segunda a sexta, 9h às 12h e 13h às 17h / R$ 5,00. Missas aos domingo, às 8h.

Convento e Igreja de São Francisco

(Foto: Tripadvisor/Divulgação)

O convento de São Francisco, em Salvador, foi fundado em 1587. A igreja atual começou a ser construída em 1708 e foi inaugurada em 1713, com seu deslumbrante interior em talha dourada. A igreja é famosa por sua arquitetura e pelos detalhes da decoração em estilo barroco.

Conhecida como “Igreja de ouro”, ela também conta com diversas artes e esculturas esculpidas em jacarandá.

Endereço: Largo do Cruzeiro de São Francisco, S/N – Pelourinho
Telefone: 71 3322-6430
Visitação: seg, qua, qui, sex e sáb, das 9 às 17h30. Ter, das 9 às 17h. Dom, das 10h às 15h / R$5,00

Igreja da Ordem 3ª de São Francisco

(Foto: Divulgação)

Expressivo exemplar do barroco de 1702. O local abriga o único conjunto de azulejaria português que representa a cidade de Lisboa, em Portugal, antes do terremoto de 1755.

A Igreja da Ordem Terceira de São Francisco possui fachada em pedra arenito lavada e decorada em altos-relevos e é o único exemplar no Brasil que remete ao barroco espanhol. O projeto é de Gabriel Ribeiro, considerado um dos introdutores do barroco no Brasil. No teto, encontram-se pinturas criadas por Franco Velasco.

Endereço: Largo do Cruzeiro de São Francisco, S/N – Pelourinho
Telefone: 71 3321-6968 ou (71) 9 9999-5576
Visitação: Igreja e Museu de Arte Sacra, de seg a sáb, das 9h às 12h e 13h às 17h. Dom, das 10h às 15h / R$5,00

Igreja de N. Sra. Do Rosário dos Pretos

(Foto: Divulgação)

Fundada em 1685, por uma das primeiras irmandades dos homens pretos do Brasil. A atual Igreja do Pelourinho começou a ser construída em 1704, pelos próprios irmãos negros, incluindo pessoas que já haviam sido escravizadas.

Endereço: Largo do Pelourinho, s/n – Pelourinho
Telefone: 71 3241-5781 ou (71) 9 9999-5576
Visitação: seg a sáb, das 8 às 12h e das 13 às 17h / R$ 3,00

Igreja do Santíssimo Sacramento do Passo

(Foto: Divulgação)

A construção do templo foi iniciada em 1736. A igreja possui corredores laterais, tribunas e coro no pavimento superior, sacristia transversal e um ossuário no subsolo.

A igreja do Santíssimo Sacramento da Rua do Passo leva este nome devido à sua localização na rua do Passo, que tradicionalmente é o caminho da procissão dos sete passos de Jesus realizada pelos Carmelitas durante a semana Santa, na sexta-feira da paixão.

Endereço: R. do Passo, 52A – Santo Antônio Além do Carmo
Telefone: 71 98277-7909/ 98769-8929
Visitação: seg a sáb, 9h às 17h / R$ 5,00 / Visitação programada (mínimo 5 pessoas) ao Campanário da Torre e Cripta

Igreja da Ordem 3ª do Carmo

Na ladeira do Carmo, uma parada imperdível. É a igreja da Ordem Terceira dos Irmãos Carmelitas. Contém uma riquíssima arquitetura, uma belíssima sacristia, catacumbas e a antiga senzala onde eram acolhidas pessoas escravizadas pelos irmãos carmelitas. Lá está a imagem extraordinária do Senhor Morto, com 2 mil fragmentos de pedras de rubi em todas as chagas e gotas de sangue.

Endereço: R. do Carmo – Ladeira do Carmo
Telefone: 71 3326-9432 ou (71) 9 9999-5576
Visitação: seg a sáb – das 8h às 12h e das 14h às 16h / R$ 5,00

Igreja e Convento de N. Sra. do Carmo

A Igreja de Nossa Senhora do Carmo apresenta uma das mais belas sacristias do mundo. O convento é o maior da Ordem Carmelita no mundo, possuindo dois claustros e 80 celas e parte delas já abrigou o primeiro hotel histórico de luxo do Brasil.

Endereço: R. do Carmo – Santo Antônio Além do Carmo
Telefone: 71 3242-0182
Visitação: seg à sex, 7h às 17h e sáb, 8h às 12h / Gratuito

Igreja do Boqueirão

Foi construída em 1726 pela Ordem 3ª dos Homens Pardos. Sua arquitetura se divide entre os estilos neoclássico e barroco e seu frontispício é semelhante ao da Igreja Nossa Senhora Rosário dos Pretos, no Pelourinho.

Endereço: R. Direita de Santo Antônio, 60 – Santo Antônio Além do Carmo
Telefone: Ordens Terceiras, Irmandades e Devoções – E-mail: jonathandasilva31@gmail.com Coordenadora: Célia Marina Bahiense Moreira – (71) 9 9999-5576.

Igreja de Santo Antônio Além do Carmo

Foi fundada no ano de 1594, quando Cristóvão de Aguiar Daltro fez uma capela em honra a Santo Antônio. A expressão “Além do Carmo” é uma alusão à sua posição geográfica, uma vez que a igreja ficava situada além de uma das portas de entrada da cidade de Salvador – mais especificamente, as Portas do Convento do Carmo.

Seu interior é revestido de escaiola, talha neoclássica e sua fachada tipicamente rococó. Outra coisa interessante é que no pátio desta igreja rolam ensaios do bloco de carnaval ”De Hoje a Oito”, festas ”Bailinho” e shows dos Skanibais, entre outros. O passeio é inesquecível no final da tarde, quando o pôr do sol é especial! Na praça, existe um coreto bastante usado por moradores, o que dá ao bairro um ar de cidade pequena.

Endereço: Largo de Santo Antônio Além do Carmo, s/n – Santo Antônio
Telefone: (71) 3242-6463
Visitação: todos os dias, das 9h às 17h / gratuito. Missas: terça, às 18h30 e domingo, às 10h (até a reabertura, as missas estão sendo na Igreja do Boqueirão).

Para uma melhor experiência durante o passeio, a Secretaria de Turismo da Bahia (Setur) instalou diversos totens informativos nos locais, a fim de deixar aquele que está passeando cada vez mais informado. Além de informações, os totens contam com dicas e orientações dos passeios.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.